Skip to content

A verdadeira ditadura da moda: o caso Muammar Kadafi

29/05/2011

Quaddafi, Gaddafi, Kadafi, muitos nomes, mas todos referem-se a um cara só: o megalomaníaco ditador da Líbia. Mas você sabe quem é ele?  Kadafi (vou chamá-lo assim pra facilitar a escrita) se auto intitula como poeta, filósofo, guerrilheiro e acima de tudo, chefe de Estado da Líbia, assumindo o poder em 1969 e sem prazo de vencimento do mandato.

Assumiu o poder via golpe de estado (atitude típica de ditador), após o governo do Rei Idris I, que estava causando grande descontentamento popular por vender petróleo aos EUA, e o dinheiro não era usado para beneficiar o Estado líbio. (Tipo o que aconteceu aqui no ES, no município de Fundão, onde o prefeito, secretários e vereadores estavam desviando o dinheiro dos royalties do petróleo, tsc, tsc)

Bom, depois que o mosquitinho do poder picou Kadafi ele não quis (e não quer) sair de lá de jeito nenhum. Instaurado o poder, ele proibiu bebidas e jogos de azar, retirou as bases norte-americanas e inglesas do território líbio e acabou com as eleições.

No embalo das revoltas sociais no norte da África, a oposição líbia começou um ataque revolucionário, a ONU o está acusando de genocídio, vários membros do governo têm deixado seus cargos, e o tribunal de Haia solicitou mandato internacional de captura e prisão contra Kadafi, haja vista que está sendo processado por crimes contra a humanidade. Vários prédios do governo têm sido atacados… Pois é, são muitas as preocupações na vida deste ditador, mas tem uma coisinha a mais que anda tirando o sono do cara: Seu guarda-roupa.

Horacio Silva, editor de moda do jornal The New York Times recebeu uma carta, na qual um funcionário do Ministério da Cultura da Líbia expõe que o ditador receia que as roupas sejam perdidas em meio aos bombardeios. Segundo a carta, Kadafi é uma importante referência para a moda mundial (??????????????), pois vários líderes árabes e africanos se inspiraram em seu “estilo”. Agora, essa nem eu, nem vc não sabia: a carta afirma que MICHAEL JACKSON copiou o estilo militar de Kadafi nos anos 80, fazendo muito sucesso nas paradas. Humildade 100%. :p Se quiser ver  carta, clique aqui.

No mesmo documento, Horacio é convidado a dar um passeio na Líbia, com todas as despesas pagas, para selecionar peças, que na opinião de Kadafi, devem fazer parte da exposição anual do Costume Institute no Met em 2013. O jornal TNY não deixou. Já que não vai rolar a exposição, para o seu deleite, the Kafafi’s Style. (Se quiser ver a foto no tamanho original, é só clicar nela.)

Kadafi, SEU LINDO!!!!!!!! #not

Anúncios
No comments yet

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: