Skip to content

Isso aqui ô ô, é um pouquinho de Brasil iaiá… Parte 2

28/04/2011

No post anterior, falei sobre alguns filmes que retratam o Brasil em suas imagens. Hoje, mostrarei alguns clipes de artistas internacionais que utilizaram o nosso país como cenário para seus vídeos. Então resolvi fazer um Top Six dos Clipes no Brasil(#cqcfeelings). Então, bora lá.

6º Lugar – Beautiful (Snoop Dogg Ft.Pharrell)

1. A música- Este single foi lançado em 2003, fazendo parte do álbum Paid tha Cost to be tha Bo$$ (é com as cifras mesmo que tá na capa do CD).  Fez certo sucesso na época. Basicamente, a letra fala de como o cara admira a “gata” (machista…)  dele, como é bonita e etc. Esse trecho traduzido mostra bem o espírito da letra:

Que gracinha, parece uma colegial
Cabelo longo, com sua bunda grande
De volta no tempo você era uma garota que eu saia na escola
Tinha que dizer a sua mãe e sua irmã ficarem tranquilas
A gata está afim, talvez eu a satisfaça
É melhor que se entregar a um cafetão
Mãe, não esquenta, não vou abusar

Acabe logo pra gente ir ver um “filme”

2. O vídeo: Coloquei este vídeo em sexto lugar porque, na minha opinião é a maior concentração de preconceitos relativos ao Brasil por minuto rodado. Snoop opta por fazer uma pose meio cafetão, meio chefe do tráfico, meio se-lá-o-quê. Já nos primeiros segundos um menino brasileiro da favela (que entende inglês!) atende, o que eu acredito ser o primeiro telefone sem fio que foi inventado (olha o tamanho do tijolo…) Ah, também para o estrangeiro que acredita que macacos andam livres e soltos por nosso território, basta dar uma pausa nos 0:53 segundos e conferir a participação especial de um deles.

O clipe é ambientado no Rio de Janeiro, mostrando o Cristo (clichê), a Escadaria Selarón, no bairro da Lapa e a The Copacabana Beach, que, segundo o clipe, é uma verdadeira feira livre, com um monte de mulher à disposição. E é isso que mais me chamou a atenção neste clipe: o retrato da mulher brasileira. Pois, a conclusão que uma pessoa que não sabe nada sobre o Brasil é que as mulheres só andam em trajes mínimos, e que mesmo vc sendo feio igual um cão sarnento com anemia, como é o caso do Snoop, é só você dar uma olhadinha que elas vão, facin facin….

Tá certo que, no Brasil e em boa parte do mundo, o número de mulheres é maior que o de homens, mas nesse clipe, no morro só tem mulher, na praia só tem mulher e no final do vídeo, eles fazem uma festa e adivinhem: só tem mulher!

A definição em uma frase: O Brasil tem as mulheres mais fáceis do mundo.

5º lugar –  Rio (Duran Duran)

1. A música – Lançada em 1982, esta música também fala  de mulher (#aff!), que chama… Rio! (criatividade nota mil…), e a música fala o quanto ela é bonita e atraente e etcs. Trechinho traduzido para vocês:

Mexa-se no chão agora, meu bem

Você é um pássaro do paraíso
Sorriso de sorvete de cereja, suponho que é muito legal
Com um passo pra esquerda e um rápido pra direita
Você pega aquele espelho pra lá do oeste
Você sabe que você é algo especial

E você parece ser a melhor

Obs: O que que o cara quer dizer com “Sorriso de sorvete de cereja, suponho que é muito legal” ? (Eu ia supor que ia ser muito enjoativa, cereja é para decorar o sorvete e não para fazer o sorvete todo…)

Tem outra frase, que tá no final da música que me chamou a atenção é esta aqui:  Oh Rio, Rio hear them shout across the land/From mountains in the north down to the Rio Grande (Oh, Rio, Rio ouça-os gritarem pela terra/Das montanhas ao norte descendo o Rio Grande). Como assim???????????????? (Acho que ele tá dizendo que Rio é uma ilegal, que atravessou o Rio Grande, que faz a divisa entre o México e os EUA. Quem sabe não foi assim que a conheceu…)
2. O vídeo: Fora o nome, eu não percebi muita coisa de Brasil não. É um vídeo bem anos 80, com direito à ombreiras, roupas e maquiagens coloridissímas, ou seja, todo aquele visual bizarro básico da década perdida. Mas, eu não entendi uma coisa: o que é aquele telefone colorido saindo do mar, hein?!

A definição em uma frase: Nome de cidade brasileira homenageando mulher esquisita.

4º lugar – They Don’t Care About Us (Michael Jackson) 

1. A música-Foi o quarto single do álbum HIstoy, lançado em 1995. O título significa “Eles não ligam pra gente” (conforme você pode ouvir no início do vídeo). E tem lugar mais adequado que o Brasil para falar de pessoas que não tem tem acesso a parâmetro mínimos de dignidade?

Na época, o jornal The New York Times causou a música ser anti-semita, pois apresenta termos (em inglês) como Kike, que era usado de forma pejorativa para se referir aos judeus (fato que MJ sempre negou). Talvez por isso não fez muito sucesso nos EUA, mas teve grande repercussão na Europa, principalmente na Alemanha (será uma ironia?)  Segue abaixo parte da letra traduzida.

Diga-me o que aconteceu com minha vida

Eu tenho esposa e dois filhos que me amam
Eu sou vítima da brutalidade policial, não
Estou cansado de ser vítima do ódio
Você estupra meu orgulho. Oh, pelo amor de Deus
Olho pro paraíso pra fazer esta profecia
Liberte-me
Cabeça careca, Cabeça morta
Todo mundo Ficou mal
Trepidação, Especulação
Todo mundo, Alegação
Na suíte, Nas notícias
Todo mundo, Comida de cachorro
Homem negro, Chantagem
Jogue o irmão na cadeia
Tudo o que eu quero dizer é que

Eles realmente não ligam pra gente

2. O vídeo: Este vídeo foi gravado em 1996, e conta com locações no Pelourinho, no estado da Bahia, e na favela Dona Marta, no RJ. Conta com a participação do grupo Olodum, introduzindo o Axé Music na composição. Este vídeo tem duas versões: uma com cenas apenas no Brasil (que obviamente é a que ficou mais famosa por aqui) e a versão internacional (banida nos EUA por conta da cenas de violência), que conta apenas com as cenas de pobreza e favela. Apesar de tudo, é um vídeo muito bem feito com com o marcante estilo do MJ. #RIP

Uma curiosidade: Este clipe foi dirigido por Spike Lee, que durante as gravações no Rio negociou com traficantes para que eles fizessem a segurança de Jackson. Criticado por autoridades brasileiras, ele afirmou que precisou fazer tal “parceria” porque a polícia carioca não tinha condições suficientes para fornecer segurança ao cantor… #TENSO

3. A definição em uma frase: Eles CONTINUAM não ligando pra gente.

Versão internacional

3º lugar- Walk On (U2)

1. A música: Bela letra, faz parte do álbum That You Can’t Live Behind, de 2001. É uma homenagem à ativista Aung San Suu Kyi,grande expoente da oposição birmanesa contra o regime militar (país conhecido como Mianmar), que ganhou o prêmio Nobel da Paz em em 1991. Durante o vídeo Bono Vox utiliza uma camisa estampada com o rosto de Aung San. Trechinho preferido para vocês:

Tudo o que você produz

Tudo o que você faz
Tudo o que você constrói
Tudo o que você quebra
Tudo o que você mede
Tudo o que você sente
Tudo isso você pode deixar para trás
Tudo o que você raciocina, é apenas tempo
E eu nunca estarei acima do que procuro
Tudo o que você percebe
Tudo o que você conspira
Tudo que você veste
Tudo o que você vê
Tudo que você cria
Tudo o que você destrói

Tudo o que você odeia

2. O vídeo: Este vídeo possui duas versões. Uma (muito sem graça) produzida para o os EUA e Inglaterra e a versão brazuca, divulgada no resto do mundo.

O U2 aproveitou a visita feita para divulgar o então recém lançado CD para gravar o clipe e na época não fez show no Brasil, apenas houve um pocket show para ser exibido no Fantástico. O vídeo é legal, mostra os principais pontos turísticos da cidade (a escadaria Selarón aparece de novo) e alterna com clássicas cenas da pobreza brasileira.

3. A definição em uma frase: O Bono é um fofo!!!!!!!!!!!

2º lugar- Don’t lie (The Black Eyed Peas)

1. A música: Esta canção é integrante do CD Monkey Business,lançado em 2005, e fez bastante sucesso pelo mundo. A música tem um ritmo legal, mas a letra não fala muita coisa não (como a maioria das letras do grupo). Fala basicamente do estrago que mentira causa nas relações…E daquela bem pop, daquela tipo chicletão, que a letra gruda na sua cabeça e só outra música pra tirar aquele lá lá lá da cabeça… Trecho:

Ela disse que está indo embora
Porque não agüenta a dor
É difícil continuar este amor, não é o mesmo
Não posso esquecer as coisas que fiz dentro da
cabeça dela
Muitas mentiras cometidas, muitos jogos
Ela se sente como uma idiota pegando o último trem

Tentando suportar, mas o sentimento não mudará

2. O vídeo: O vídeo é daqueles que os integrantes andam pelas ruas do Rio, mostram o Cristo, o Pão de Açúcar, o Jardim Botânico, etc. É meio fake, porque eles não estão no Rio, e sim usam efeitos digitais. Tá, pelo menos eu não achei apelativo. Não acrescenta, mas também não menospreza.

3. A definição em uma frase: Não, não, não, baby, não não não minta!!!!! #efeitogrudetraduzido

1º lugar- Mas que nada ( Sérgio Mendes feat. Black Eyed Peas)

1. A música: Essa música é de autoria de Jorge Benjor, mas foi através dos dedinhos de Sérgio (ele é pianista), que a música fez sucesso, em 1966, com o grupo Sérgio Mendes & Brasil 66. Mendes é um daqueles músicos que faz um certo sucesso no exterior, mas que é praticamente desconhecido do público brasileiros.

Considerado como pioneiro da bossa nova(chegou nos EUA em 1960), Sérgio Mendes encontrou nesse estilo a sua “galinha dos ovos ouro”, o  “pote de ouro no fim do arco-íris” (e todas as frases comuns com ouro que vocês possam imaginar). O americano gosta de bossa nova, que pra eles é música pra relaxar, colocar no carro depois de um dia ruim de trabalho ou como som de fundo para um encontro a dois… #ficadica. Também transformou  em samba músicas dos Beatles e da galera da Motown (gravadora americana especializada em lançar artistas negros no mercado).

Curiosidades do Serginho: Cara esperto que é, na década de 70 ele resolveu diversificar os negócios, e quis trazer para o Brasil uma filial da lanchonete americana KFC, especializada em frango frito. Mas na época, os militares (que governavam o Brasil, lembra?) , encrencaram. Motivo: o símbolo da KFC era um tal de coronel Sanders, e os militares não queriam o povão falando: “Vamô lá comer a galinha do coronel”. Censura é f%!*@

Serginho fez tanto sucesso “sambarizando” hits internacionais que cantou para os presidentes americanos Lyndon Johnson, Richard Nixon e Ronald Reagan.

2. O vídeo: Aqui eu vou colocar a versão original e a versão moderninha. Quanto à versão original, observem o português medonho das vocalistas!!! Serginho, não dava pra chamar uma cantora brasileira não?

Quanto à versão moderninha, ela faz parte do álbum Timeless, lançado em 2006, que, além dos Black Eyed Peas, conta com participação de Erikah Badu e Stevie Wonder. Chic demais.

3. O vídeo em uma frase: Hoje o samba está animado, e o que eu quero é sambar!

Vídeo original (1966)

Versão com os Black Eyed Peas

E aí, o que acharam do Top Six? Lembram de algum outro vídeo. Comente, preciso muito da sua opinião!

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. Matheus Villela da Cunha permalink
    28/04/2011 21:58

    Nunca reparei que essa musica Mais que nada era em portugues ele falam tão embolado que não dá pra perceber,kkkk, anos que não ouvia, e não entendia nada de inglês.Até hoje tenho ploblemas com musica em inglês, preciso de lengenda.

    • 29/04/2011 17:44

      É Matheus, na versão com os Black Eyed Peas só tem um pedacinho em português mesmo, no meio de um monte de inglês que confunde a nossa cabeça.
      Você não precisa de legenda, precisa de aprender o idioma. Inglês é essencial…]
      🙂

  2. Ana permalink
    28/04/2011 21:54

    Aaaaaamoooo o clip do Snoop Dogg!
    Acho que é mais porque eu gosto da música!
    kkkkk
    Mas que nada tb é beem legal!
    ;*

    • 29/04/2011 17:41

      A música pode ser boa, mas tenho minhas restrições quanto à letra. Mas isso é a minha humilde opinião.
      Acho Mas que Nada divertida.
      Bj

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: